Internacional

Italiano antivacinas tenta ser imunizado contra Covid-19 num braço falso

Um italiano apareceu num centro de vacinação usando um braço de silicone falso, na esperança de enganar uma enfermeira para lhe dar a vacina contra a Covid-19 de forma a obter um certificado sanitário, disseram autoridades locais na sexta-feira.

O homem, que tem cerca de 50 anos, foi denunciado à polícia da cidade de Biella, no norte do país, disse o governador regional Alberto Cirio, citado pela Reuters, acrescentando que o silicone da prótese do braço parecia “muito semelhante” à pele real.

“No entanto a cor e o toque levantaram desconfiança do profissional de saúde, que pediu que mostrasse o braço inteiro”, contou Cirio. “O incidente seria quase ridículo, não fosse pelo fato de estarmos a falar de um gesto de uma gravidade enorme”, disse Cirio numa publicação no Facebook.

O homem foi denunciado aos Carabinieri e o Asl (Azienda sanitaria locale) e o caso também será denunciado à Procuradoria.

A agência de notícias Ansa informou que o homem, que não foi identificado, trabalhava na área da saúde e tinha sido suspenso do trabalho por se recusar a ser vacinado. A vacina é obrigatória para todos os profissionais de saúde.

Notícias ao Minuto

Deixe sua opinião abaixo via Facebook

Sertão Informado

O sertão informado é um portal de notícias, que está sempre atualizado com as últimas notícias de Sousa, do Brasil e da Paraíba em geral.
Botão Voltar ao topo